CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE FUTEBOL UTILIZARÁ ÁRBITRO DE VÍDEO SOMENTE EM 2018

O presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Marco Polo Del Nero (foto), admitiu hoje que se precipitou ao acelerar o processo de incluir o árbitro de vídeo no Campeonato Brasileiro, e deu a entender que a adoção do sistema ficará mesmo para o torneio nacional do próximo ano. Segundo as palavras do dirigente, a arbitragem brasileira apresentou “problemas técnicos” estão impedindo o uso do recurso de vídeo ainda neste ano. “Está ficando difícil.” Apesar de ter pedido a inclusão do árbitro de vídeo, Del Nero afirmou nesta sexta-feira que está satisfeito com o nível de arbitragem no brasileiro. “Se você for analisar em relação ao ano passado, vai ver que ela está melhor, está mais preparada”, considerou. “Em relação ao ano passado, teve uma boa evolução.

 

Todos os membros da comissão de arbitragem vivem no Rio de Janeiro, moram aqui. Eles chegam às9horas e trabalham até 21 horas. É algo novo que a gente conseguiu todos aqui estudando arbitragem, dando o seu melhor. É difícil a arbitragem, mas nós melhoramos muito. A própria Conmebol melhorou”, concluiu o presidente da CBF.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *