AMÉRICA É CAMPEÃO BRASILEIRO DA SÉRIE B 2017

O América atuando no estádio do Independência diante da equipe do CRB de Alagoas fez a última partida e decisiva pelo Campeonato Brasileiro da segunda divisão. O resultado era simples, bastava uma vitória para garantir o título da competição e na garra e sufoco, o Coelho como mandante fez o seu papel e venceu por 1 a 0. A conquista parecia perdida com a vitória do Internacional em Porto Alegre, mas com os três pontos somados o time de Belo Horizonte confirmou o primeiro lugar da classificação com 73 pontos.

 

Saiba como foi o jogo do título

 

A partida começou com muita festa por parte dos torcedores nas arquibancadas com o time mineiro pressionando muito a equipe do CRB nos primeiros minutos. Mas a equipe alagoana buscava atrasar as jogadas e fazia muita cera em campo, ao conseguir equilibrar as ações do duelo no Independência. Sem se importar com a catimba do time alagoano, o América seguia pressionando e teve algumas chances de poder abrir o marcador no fim da primeira etapa. Em um lance já na parte final aos 44 minutos, quando o meia Ruy recebeu dentro da área e foi derrubado pela zaga do CRB e o pênalti claro foi ignorado pelo árbitro Luiz Flávio de Oliveira. No minuto seguinte, o próprio Ruy apareceu de novo quando recebeu passe do atacante Bill e finalizou muito forte, mas a bola acabou explodindo na trave e por pouco não entrou. O América foi para o intervalo com o jogo empatado e se viu obrigado a voltar para a segunda etapa em busca da vitória. Isso porque o Internacional já vencia o jogo conta o Guarani por 2 a 0, na Arena Beira-Rio, em Porto Alegre (RS) e por enquanto o time gaúcho sagrava-se o campeão da série B.

 

O técnico Enderson Moreira então alterou o time ao colocar o meia Renan Oliveira no lugar do atacante Felipe Amorim. Logo no primeiro minuto da etapa final, Renan chegou bem após tabela com o lateral Norberto, mas a finalização do meia foi defendida pelo goleiro Edson Kölln do CRB. O tempo passava e a tensão tomava conta do jogo e claro a ansiedade dos torcedores. Em um lance de perigo na área do América aos nove minutos, quando o atacante Neto Baiano tocou na saída de Fernando Leal, mas o zagueiro Messias apareceu muito bem para evitar que a bola adversária entrasse no gol americano que seria fatal. O América voltou a ter outra grande chance de gol aos 14 minutos, quando Bill aproveitou um rebote do goleiro e, na pequena área, finalizou, mas a bola foi defendida pelo goleiro Edson Kolln. Contudo, aos 20 minutos a explosão tomou conta do horto. Na jogada de Rafael Lima ao aproveitar o cruzamento na grande área e esperto fez o gol do título americano balançando as redes e fazer 1 a 0. Ainda houve alguns lances claros do América poder ter ampliado o marcador, mas a vantagem ficou cômoda e só restou esperar e administrar o resultado e o apito final do árbitro Luiz Flávio de Oliveira pra fazer a festa no Independência ao conquistar o segundo título pela competição nacional após 20 anos quando garantiu o triunfo no ano de 1997. Além do título da série B, o América garantiu a vaga para competir somente nas oitavas de final da Copa do Brasil do próximo ano e o acesso para primeira divisão.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *