FLAMENGO VENCE O JUNIOR BARRANQUILLA E ESTÁ NA FINAL DA COPA SUL-AMERICANA

O Flamengo entrou pressionado em campo jogando como visitante diante do Junior Barranquilla da Colômbia e soube transformar o momento de tensão em glória ao derrotar a equipe colombiana com dois gols de Felipe Vizeu e ainda uma defesa de pênalti do goleiro Cesar e assim garantir o time brasileiro na final da Copa Sul-Americana duelando pelo título contra o Independente da Argentina e vaga na fase de grupos da Libertadores em 2018.

 

Saiba os detalhes de como foi o jogo

 

O jogo começou e ao longo do primeiro tempo houve certo equilíbrio em campo até os 20 minutos. O Júnior Barranquilla pressionou em busca do primeiro gol durante os 15 minutos iniciais. De volta aos gramados, o goleiro César do Flamengo realizou uma intervenção providencial em falta cobrança e ensaiada. Chará rolou para Mier, que soltou a bomba da entrada da área e, com muita gente na frente, o camisa 24 espalmou para o lado, afastando o perigo de sofrer o gol. Em grande performance do setor defensivo impediu que o time colombiano conseguisse marcar, o que trouxe maior tranquilidade para o restante no elenco do Flamengo. Colocando a bola no chão e trocando mais passes, as oportunidades passaram a surgir para o time brasileiro, onde na principal chance o chute de Vizeu após cruzamento preciso de Paquetá e ao final da etapa inicial, o placar ficou zerado para ambos os lados e a vantagem era do Flamengo por ter vencido o primeiro duelo por 2 a 1 no Maracanã.

 

No segundo tempo, a história foi outra nos 45 minutos finais. Logo aos sete minutos, Vizeu tabelou com o peruano Trauco pelo lado esquerdo e com muito espaço à frente, usou de velocidade para bater a marcação colombiana. Na cara do goleiro, demonstrou a categoria de um veterano e finalizou com perfeição ao fazer 1 a 0. O destino ainda guardaria dois outros grandes momentos. Em um lance confuso na área flamenguista, o árbitro chileno Roberto Tobar marcou pênalti de Willian Arão sobre Barrera. Destaque da equipe adversária, o atacante Chará foi para a  cobrança, mas o goleiro Cesar defendeu a cobrança e impediu o empate do time colombiano. A situação não poderia ser melhor na parte final da partida, quando em uma cobrança de falta rápida pelo lado direito, Diego tocou para Rodinei, que arrancou, deixou a marcação para trás e cruzou para Felipe Vizeu fazer o segundo gol do Flamengo e seu na partida. O Júnior Barranquilla bem que tentou, mas a classificação garantida com mais uma vitória heróica do Flamengo atuando na Colômbia.

 

Na decisão, o Flamengo enfrentará a equipe do Independiente, da Argentina. O primeiro jogo da final será disputada em Avellaneda, localizada na grande Buenos Aires, no dia 6 de dezembro. O confronto decisivo ocorrerá no Maracanã, no dia 13 de dezembro. O novo campeão da Copa Sul-Americana já garante além de bons valores com a premiação ainda conquista a vaga na fase de grupos na Libertadores da América em 2018.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *