CRUZEIRO PERDE PARA O GRÊMIO NO MINEIRÃO NA ESTREIA DO BRASILEIRO

Confira como foi o jogo dos dois campeões estaduais na abertura do campeonato brasileiro

A partida começou no estádio do Mineirão com o Grêmio teve maior domínio da posse de bola na etapa inicial 67% contra 33% sob o comando do Cruzeiro em campo. o time gaúcho não apresentou grandes chances de marcar na meta do gol de Fábio. Enquanto isso, o time mineiro teve ao longo do primeiro tempo pouca inspiração dos homens de frente. As jogadas ofensivas da quase sempre eram originadas na ponta direita, mas nada que levasse perigo ao gol de Marcelo Grohe. Rafael Sóbis, caindo pelo lado direito, onde dedicava-se mais à recomposição passando a bola para Thiago Neves, Robinho e Arrascaeta bastante sumidos em campo e sem muita vontade de apresentar aquele nível do último jogo no próprio Mineirão quando conquistou o estadual diante do Atlético. 

Com o placar zerado e sem chances de gol para os dois lados, algumas vaias reverberaram vindos dos torcedores nas arquibancadas assim que o árbitro Rodolpho Toski apitou o fim do primeiro tempo. O técnico Mano Menezes então decidiu mudar sua equipe. Ele tirou Rafael Sóbis e em seu lugar entrou em campo Sassá. O camisa 99 mostrou presença ofensiva, incomodando desde os primeiros minutos que entrou em campo, mas a sonolência dos meias ainda incomodava os torcedores. 

Com isso, o Grêmio ao seu estilo de jogar, atacou de forma incisiva pela primeira vez no jogo e chegou ao gol. O lance aconteceu aos nove minutos, após uma jogada onde o lateral Egídio estava ainda procurando Ramiro. Depois do desvio de Cícero, André, o Bebezão, aquele mesmo que jogou no Atlético, mandou para o fundo das redes de Fábio. Um gol logo em sua estreia pelo time do Grêmio.

Ouça o gol do Grêmio – Rádio Universitária – Narração: Júnior Murad

 

O Cruzeiro com a desvantagem no placar mudou sua postura em campo e passou a ser mais ofensivo e colocou o goleiro Marcelo Grohe para trabalhar. Em um chute de Thiago Neves foi defendido pelo goleiro gremista. Mas a atuação continuava sonolenta. Mancuello substituiu Ariel Cabral na tentativa de dar mais mobilidade ao time e mesmo com um jogador a mais em campo, isso porque o zagueiro argentino Kannemann acabou expulso após cometer um carrinho em cima de Arrascaeta num lance de ataque por parte do Cruzeiro.

O Cruzeiro terminou o jogo com uma linha de frente formada ainda por Rafael Marques, e as melhores chances saíram no final da etapa complementar, com o uruguaio Arrascaeta e o argentino Mancuello. Mas a reação foi tardia e o time de Belo Horizonte não conseguiu pelo menos o empate. Esta foi a primeira derrota do Cruzeiro em 11 jogos atuando no Mineirão em 2018. Antes, a equipe acumulava nove vitórias e um empate jogando no gigante da Pampulha. O Grêmio com a vitória faturou seus primeiros três pontos na abertura do campeonato brasileiro.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *