CRUZEIRO EMPATA COM O UNIVERSIDAD DE CHILE PELA LIBERTADORES

Confira como foi a partida pela competição continental no Grupo 5

Assim que a bola rolou no estádio nacional de Santiago, a equipe do Universidad de Chile começou melhor a partida, e garantindo os melhores lances de ataque. Já o Cruzeiro se fechou, foi bem na postura defensiva e ainda contou com as dificuldades para ir ao ataque do adversário. Mas, aos poucos, o time brasileiro comandado pelo técnico Mano Menezes foi ganhando espaço e na parte final da primeira etapa esteve melhor e até no controle da partida. Esteve mais perto do gol com o chute de Lucas Silva, que explodiu no travessão do gol de Johnny Herrera, mas o primeiro tempo terminou empatado e sem gols no placar.

A pressão inicial na etapa complementar foi da Universidad de Chile. Mas o panorama melhorou quando o Cruzeiro equilibrou as ações do adversário, e o jogo ficou mais aberto. O time chileno levou perigo com Rodríguez, onde cabeceou uma bola e exigiu grande defesa de Fábio. A resposta do Cruzeiro foi no contra-ataque puxado pelo uruguaio Arrascaeta, que entrou na área e logo depois bateu cruzado, rasteiro e a bola pegou no pé da trave e saiu. Nos contra golpes, a equipe de Belo Horizonte seguia ameaçando. Teve as melhores chances para marcar, com Thiago Neves, que bateu para fora, e em uma jogada de Sassá, que cruzou e o zagueiro quase fez contra.

Contudo, o tempo passou e tanto Universidad de Chile, quanto o Cruzeiro não conseguiram balançar as redes e o placar final foi um empate morno com um ponto para cada lado pelo Grupo 5 da Libertadores após o término da terceira rodada que têm o Racing liderando após golear o Vasco da Gama jogando no estádio Presidente Perón, na Argentina e depois seguido pelo próprio time chileno, já os dois clubes brasileiros caso terminassem a primeira fase estariam de fora da Libertadores. O Cruzeiro está em terceiro, com o Vasco da Gama na quarta colocação e pelos resultados atuais estariam fora de seguir na competição mais importante da América do Sul.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *