AMÉRICA PERDE PARA O VASCO DA GAMA EM SÃO JANUÁRIO PELO BRASILEIRO

Confira como foi o jogo deste sábado no Rio de Janeiro

O América adotou postura mais recuada ao longo do primeiro tempo, esperando um possível erro do Vasco para encaixar algum bom contra-ataque. Com isso, fez com que o time carioca mantivesse grande domínio na posse de bola, mas o América conseguiu uma penalidade nos raros avanços quando Norberto foi derrubado por Thiago Galhardo aos 30 minutos, e Rafael Moura cobrou no canto direito de Martín Silva, fazendo 1 a 0. Após o gol e estar na frente, o time mineiro mineiro soube manter a vantagem mínima até o intervalo e vencer provisoriamente.

O Vasco começou em cima buscando reverter sua situação no segundo tempo e logo aos 30 segundos, Andrés Ríos finalizou na trave esquerda, após assistência de Rafael Galhardo. Com dois minutos de jogo, Caio Monteiro recebeu de Pikachu na grande área e, sozinho, concluiu para fora. Já aos oito minutos, o time de Belo Horizonte deu a resposta com Serginho partindo em disparada em contragolpe, mas demorou a decidir se tentaria o chute diante de Martín Silva e acabou desarmado por Paulão e um grande lance desperdiçado, em São Januário.
 
O empate do Vasco ocorreu aos 11 minutos. Caio Monteiro recebeu lançamento de Paulão, foi à linha de fundo e achou Bruno Cosendey livre de marcação e deixar tudo igual em 1 a 1. Não demorou muito para a virada carioca, aos 17. Dessa vez, Cosendey tocou para Caio o finalizador e registrar 2 a 1. Estava fácil para o Vasco, que chegou ao terceiro gol aos 33 minutos, quando Kelvin driblou Rafael Lima e rolou no meio da grande área para Andrés Ríos bater rasteiro e fazer o terceiro gol vascaino. Nos três gols sofridos, o América mostrou muita desorganização em campo e sobretudo no setor defensivo, com os zagueiros Messias e Rafael Lima e os laterais Norberto e Carlinhos deixando de acompanhar de perto os atacantes cruz-maltinos.

 

Já nos acréscimos, houve tempo para mais um gol do Vasco com Desábato lançando a bola por cima de Messias, e Kelvin cabeceou na saída de João Ricardo e garantir a goleada em 4 a 1 e o América perdeu fora de casa e a chance de assumir a liderança provisória do brasileiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *