ATLÉTICO EMPATA COM A CHAPECOENSE PELA PRIMEIRA LIGA NA ARENA CONDÁ

O Atlético Mineiro viajou até Chapecó para enfrentar o time da casa em partida válida pela terceira e última rodada da fase classificatória da Copa da Primeira Liga ao empatar em 2 a 2, na noite desta quarta-feira, na Arena Condá, em Chapecó. O Galo manteve a segunda colocação do Grupo C, com quatro pontos ganhos, e aguarda o fechamento da rodada e confirmar a classificação às quartas de final.

 

Confira como foi o jogo em Chapecó

 

O jogo começou emocionante e o Atlético quase abriu o placar logo aos três minutos, num chute cruzado de Rafael Moura onde a bola saiu rente à trave. No ataque seguinte, o próprio Rafael Moura pegou a sobra de bola na área e finalizou par a defesa do goleiro Artur da Chapecoense. Mas aos 12 minutos a rede balançou, em uma bela jogada de Carlos César. Ele recebeu passe de Cazares, passou por três adversários, invadiu a área e concluiu no canto esquerdo do goleiro para fazer Atlético 1 x 0.  Assim que sofreu o, a Chapecoense buscou reagir a desvantagem no placar, e levou perigo na finalização de Wellington Paulista e a bola saiu à direita da meta defendida pelo goleiro Uilson. A equipe catarinense também ameaçou no cabeceio de Arthur, para fora, e no cruzamento de João Pedro, em que a bola foi para o gol e quase encobriu o goleiro Uilson levando susto ao gol atleticano.

 

O Atlético voltou a assustar a zaga da chape aos 38 minutos, quando Clayton aproveitou a falha do zagueiro, tomou a bola na área e logo em seguida chutou forte para a defesa de Artur. No minuto seguinte, Cazares cobrou escanteio ela esquerda e Clayton, posicionado na primeira trave, desviou de cabeça para fazer 2 x 0 e vantagem do time de Belo Horizonte na Arena Condá. O Atlético queria mais, com Rafael Moura tentando um arremate de fora da área e o goleiro Artur fez boa defesa. Já aos 45 minutos, Cazares arriscou de longa distância e a bola saiu à direita do gol da Chapecoense e o primeiro tempo terminou com a vitória parcial do Atlético Mineiro.

 

Na etapa complementar, o Atlético voltou do intervalo com a mesma formação. A Chapecoense diminuiu a desvantagem  logo no primeiro minuto de jogo com Wellington Paulista em 2 x 1. Pouco depois, aos três minutos, Dodô foi expulso após entrada dura em Carlos Eduardo. O time de Chapecó empatou o marcador quatro minutos mais tarde, quando Luiz Antônio cobrou falta e a bola desviou em Jesiel antes de entrar no gol com o placar igual em 2 x 2. A partida era movimentada no segundo tempo, quando aos 19 minutos, Clayton fez grande jogada pela direita e cruzou na direção de Rafael Moura, Cazares pegou a sobra e chutou colocado, mas a bola foi para fora. Carlos Eduardo foi substituído por Anderson, aos 27 minutos. Em um lance de Cazares aos 36, cobrou a falta e o goleiro Artur defendeu. Na sequência do lance, Anderson cabeceou no travessão.

 

O Atlético pressionava e quase marcou no cabeceio de Rafael Moura, defendido pelo goleiro. Cícero entrou no lugar de Ralph. Na parte final do confronto, Cazares cruzou pela esquerda, aos 43 minutos, e o goleiro tirou de soco. Em seguida, Rafael Moura tentou encontrar Anderson na entrada da área, mas o passe foi interceptado pela defesa do time catarinense. O Atlético tentou e pressionou em busca do gol da vitória. Nos acréscimos aos 47 minutos, Carlos César cruzou pela direita e Rafael Moura cabeceou para fora, rente à trave e poderia ter feito o gol.  Mas o jogo terminou mesmo empatado e um ponto para cada lado do Grupo C da competição nacional.

 

Fonte – Site oficial do Atlético\MG

Deixe uma resposta

Topo