GOLEIRO BRUNO ASSINA CONTRATO COM O BOA ESPORTE

O goleiro Bruno Fernandes (foto) que ficou famoso não só pelos gramados, mas fora dele por causa da morte de sua ex-amante Elisa Samudio e ter ocultado seu cadáver, no qual o fato repercutiu o país, e na época o goleiro do Flamengo foi preso, julgado e condenado há 22 anos de prisão e estava cumprindo pena. Mas através de um habeas corpus deferido pelo Ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Marco Aurélio de Mello ele foi solto. Não demorou muitos dias e Bruno assinou contrato nesta sexta-feira com o Boa Esporte. O clube mineiro e o advogado do jogador confirmaram a informação no final desta tarde. O contrato será de dois anos e o jogador irá disputar o módulo 2 do Campeonato Mineiro, além da Série B do Campeonato Brasileiro pela equipe de Varginha.

 

Segundo a diretoria do Boa Esporte, a previsão é que ele se apresente na próxima terça-feira (14) para os treinos e que volte a jogar no prazo de 50 a 60 dias. O advogado do goleiro, Lúcio Adolfo disse que ele recebeu propostas de várias equipes do Brasil e do exterior, mas optou pelo clube de Varginha por lealdade.  Segundo as palavras do advogado de Bruno disse: “É um conjunto de fatores, o Bruno recebeu uma série de propostas, o Paduense, Friburguense, Bangu, América (RJ),  Miami United, Betinense, Ceará, Brasiliense. O Bruno não procurou nenhum desses clubes, eu não procurei nenhum desses clubes. Mas o Bruno tinha que fazer uma opção. Primeiro a questão de lealdade ao gesto que o Boa teve quando o Bruno pretendia a sua liberação, segundo Minas Gerais por ser um estado hospitaleiro”, disse o advogado Lúcio Adolfo. Segundo o próprio advogado do jogador, Bruno Fernandes não teme a péssima recepção pelos torcedores, pois está focado na sua ressocialização. O diretor do Boa Esporte, Roberto Moraes, disse que não está preocupado com as questões do goleiro com a Justiça. Ele disse que a prioridade é a qualidade do time.

 

Assim que soube da notícia, o presidente do Montes Claros, Ville Mocelin, com quem o goleiro tem um contrato até 2019, afirmou à equipe ainda não foi procurado pela diretoria do Boa Esporte, nem pelo empresário do goleiro sobre essa negociação com o clube de Varginha. No entanto, ele garantiu que vai esperar um desfecho para entrar em contato com o time do sul de minas e os representantes de Bruno. O diretor do América (RJ), Marco Antônio Teixeira, confirmou que houve contato com o advogado de Bruno para saber a situação jurídica do jogador, só que a conversa não avançou. O presidente do Bangu outro clube carioca confirmou que só queria o jogador se fosse para a Série D. Até mesmo o Miami United, dos Estados Unidos, Roberto Sacca, informou por mensagem que “a informação não é verdadeira”. O Friburguense negou o interesse em Bruno. O diretor de comunicação do Ceará, Marcos Medina, escreveu no página de rede social Twitter que o clube não fez nenhuma proposta por Bruno.

 

Fonte – Globoesporte.com

Deixe uma resposta

Topo