JORGE SAMPAOLI SERÁ O NOVO TÉCNICO DA ARGENTINA APÓS DEMISSÃO DE BAUZA

Jorge Sampaoli (foto) chegou nesta quinta-feira na capital Buenos Aires, na Argentina ao mesmo tempo em que o presidente da Associação de Futebol Argentino (AFA) viajou para a Espanha, onde vai negociar os detalhes da saída do treinador pelo time do Sevilla para que ele assuma o comando da seleção nacional. Sampaoli desembarcou no aeroporto de Ezeiza em um voo proveniente da Espanha e deixou a pista em um carro, evitando as câmeras de TV que o esperavam no saguão. O presidente da AFA, Claudio Tapia, disse em seu perfil no Twitter nesta quinta-feira que ele iria se encontrar com o presidente do Sevilla, José Castro Carmona. Tapia havia anunciado que Sampaoli foi o escolhido para substituir Edgardo Bauza, que foi demitido no início de abril, depois dos maus resultados obtidos à frente da seleção argentina. Após uma passagem de sucesso pela seleção chilena, com a conquista do título das duas últimas edições da Copa América, Sampaoli assumiu o Sevilla nesta temporada. E ele tem contrato com o clube até junho de 2018.

 

Sampaoli levou o Sevilla até a brigar pela liderança do Campeonato Espanhol, mas a equipe perdeu força na reta final do torneio, coincidindo com a revelação do interesse da Argentina na sua contratação e também com a queda nas oitavas de final da Liga dos Campeões para o Leicester. Mas o time voltará a jogar a competição continental na próxima temporada, a partir da fase preliminar, após fechar o Espanhol na quarta posição. A Argentina está em quinto lugar na nas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2018, posição que a levaria a disputar uma repescagem mundial contra a melhor seleção da Oceania para ir à Rússia – só os quatro primeiros se garantem no torneio.

 

A primeira partida de Sampaoli na seleção será um amistoso contra o Brasil, em 9 de junho, em Melbourne. O confronto será uma preparação para os quatro jogos finais nas Eliminatórias, contra Uruguai, Venezuela, Peru e Equador, entre setembro e outubro. Sampaoli será o terceiro treinador da Argentina nas Eliminatórias. Antes de Bauza, a equipe foi dirigida por Gerardo Martino, que deixou o cargo após a derrota na final da Copa América Centenário, em 2016.

 

Fonte – Superesportes

Deixe uma resposta

Topo