CRUZEIRO VENCE O SPORT NO MINEIRÃO E FIGURA NO G-6 DO BRASILEIRO

O Cruzeiro atuando diante de seus torcedores no Mineirão neste domingo conquistou um importante resultado ao vencer o Sport por 2 a 0 com gols de Sassá e Raniel e entrar na lista dos seis primeiros colocados do Campeonato Brasileiro visando uma vaga na próxima edição da Libertadores.

 

SAIBA COMO FOI O JOGO

 

A primeira chance do jogo foi do Sport, logo aos quatro minutos. Após cobrança de escanteio, André desviou de cabeça e a bola saiu pela linha de fundo. A resposta do Cruzeiro veio três minutos depois. Thiago Neves cobrou falta com perigo, Henrique tentou o desvio, mas a bola ficou com o goleiro Magrão. O Sport tentou mais uma vez com André, aos 25 minutos. Em cruzamento da direita, o atacante adversário cabeceou com perigo, no lado esquerdo do gol de Fábio. Buscando abrir o marcador, o Cruzeiro abriu o placar aos 33 minutos. Em jogada rápida pela direita, Rafinha tocou para Ezequiel, que fez um cruzamento perfeito para Sassá. O camisa 99 cabeceou com estilo e deslocou Magrão fazendo 1 a 0 Cruzeiro. O time de Belo Horizonte quase ampliou o marcador no fim da primeira etapa aos 43 minutos. Thiago Neves bateu falta com efeito, Léo se antecipou à zaga adversária e cabeceou no travessão. Já nos acréscimos, outra grande chance. Ezequiel fez mais uma jogada pela direita, cruzou rasteiro, e a bola passou por toda a extensão da pequena área. Thiago Neves ainda tentou o desvio, mas a bola ganhou a linha de fundo. Em outro lance, Ezequiel fez mais uma jogada pela direita, cruzou rasteiro, e a bola passou por toda a extensão da pequena área. Thiago Neves ainda tentou o desvio, mas a bola ganhou a linha de fundo. O Cruzeiro foi para o intervalo com o placar favorável vencendo um adversário direto na tabela do brasileiro.

 

Em vantagem no placar, o Cruzeiro voltou com tudo no segundo tempo da partida. A primeira chance ocorreu aos quatro minutos. Henrique tocou para Thiago Neves na entrada da área. O camisa 30 encobriu o goleiro do Sport, e a bola caprichosamente tocou no travessão mais uma vez. Com 17 minutos, outra grande chance celeste. Em rápido contra-ataque puxado por Rafinha, Thiago Neves tocou de primeira para Sassá, que dominou no peito e finalizou para defesa de Magrão. A primeira alteração do técino Mano Menezes foi a entrada de Élber no lugar de Alisson, aos 22 minutos. Logo em seguida, Hudson cedeu sua vaga para Lucas Silva, e Sassá saiu para a entrada Raniel entrar em campo que por curiosidade foram os autores dos dois gols. O Cruzeiro voltou ao ataque aos 40 minutos. Élber recuperou a bola, fez boa arrancada e tocou para Thiago Neves, que chutou de direita, por cima do gol. No minuto seguinte, saiu o segundo gol cruzeirense no jogo. Thiago Neves disputou a bola com a zaga, mas no rebote ficou com Raniel que entrou sozinho na grande área saindo da marcação da zaga do Sport e chutou forte para marcar o segundo gol. Com a vitória garantida só restou ao Cruzeiro esperar o fim da partida após o apitos do árbitro Caio Max Augusto Vieira com a alegria e satisfação no estádio do Mineirão em poder aproveitar o fim deste domingo.

Deixe uma resposta

Topo