HANDEBOL BRASILEIRO MASCULINO IRÁ PARTICIPAR DO TORNEIO QUATRO NAÇÕES

Será disputado entre os dias 23 e 30 de outubro onde a Seleção Brasileira masculina entra em quadra na cidade de São Bernardo do Campo (SP), para os treinamentos e disputa do torneio Quatro Nações. Para as atividades, o técnico Washington Nunes convocou 22 atletas. O foco da equipe brasileira está no próximo ciclo, que integra os Jogos Pan-Americanos de 2019, que será realizado em Lima, no Peru, além das Olimpíadas de 2020, em Tóquio, no Japão. Por isso, o treinador Washington Nunes convocou alguns atletas que não apresentavam chances de jogar. O comandante exaltou que todo o trabalho está focado nos dois principais objetivos da seleção. “Nossa ideia é poder olhar todo mundo em nível de treinamento e na competição com esse torneio. A expectativa é de um bom trabalho e bom início de preparação, visando, aos Jogos Pan-Americanos, em busca da vaga olímpica”, disse o então treinador brasileiro.

 

Confira a lista dos convocados para a seleção de handebol. 

Goleiros: César Almeida (BM Granollers-Espanha), João Victor Perez Feliciano (1955 Batman Belediyespor-Turquia) e Leonardo Terçariol (JS Cherbourg Manche HB-França).

 
Armadores: Gustavo Rodrigues (US Créteil Handball-França), Haniel Langaro (Dunkerque Handball Grand Littoral-França), José Guilherme de Toledo (Wisla Plock-Polônia), Oswaldo Maestro Guimarães (Helvetia Anaitasuna-Espanha), Thiago Ponciano (BM Ciudad Encantada-Espanha) e Thiagus Petrus Gonçalves dos Santos (Pick Szeged-Hungria).

 
Centrais: Acácio Marques Moreira Filho (BM Ademar León-Espanha), Henrique Teixeira (BM Bada Huesca-Espanha) e João Pedro Silva (Sport Lisboa e Benfica-Portugal).

 
Pontas: André Martins Soares (Taubaté/FAB/Unitau-SP), Arthur Flosi Alexandre Peão (EC Pinheiros-SP), Cleryston Novais (Aziziye Belediyese Termalspor-Turquia), Fábio Chiuffa (BM Logroño-Espanha), Felipe Borges (Sporting Clube de Portugal), Lucas Cândido (BM Guadalajara-Espanha) e Rudolph Hackbarth (EC Pinheiros-SP).

 
Pivôs: Alexandro Pozzer (Dunkerque Handball Grand Littoral-França), Felipe Santaela (FC Porto-Portugal) e Rogério Moraes (HC Vardar-Macedônia).

Deixe uma resposta

Topo